Online Visual Merchandising para aumentar as conversões do seu e-commerce

Online Visual Merchandising

Quando falamos em visual merchandising logo lembramos das lojas físicas com vitrines elaboradas, ambientes decorados e um layout que favorece a experiência do consumidor. Mas, você sabia que é possível levar aos ambientes virtuais a mentalidade e a metodologia por trás de ajudar os produtos a se venderem por meio de estímulos visuais?

A resposta está no Online Visual Merchandising (OVM). Para saber mais, invista alguns minutos na leitura deste artigo.

O que é Online Visual Merchandising?

O Online Visual Merchandising é o ato de usar os elementos visuais para aprimorar a experiência geral em lojas virtuais. Tem a ver com como os clientes experienciam o e-commerce, sendo que seu objetivo é o de levá-los à página de check out (ou seja, otimizar a taxa de conversão).

Quando feito da maneira correta, o Online Visual Merchandising:

  • Facilita a navegação na loja virtual;
  • Faz com que o cliente fique mais engajado (aumentando o tempo de permanência no site);
  • Aumenta o ticket médio do pedido; e
  • Aumenta as conversões.

Como o Online Visual Merchandising funciona nas lojas virtuais?

São várias as técnicas envolvendo o assunto. A seguir elencamos as principais:

1 – Vídeo é regra

Em uma pesquisa realizada pela Wyzowl, 76% dos entrevistados disseram que o vídeo marketing ajudou a aumentar o tráfego do site e 81% das pessoas foram convencidas a comprar um produto ou serviço assistindo ao vídeo de uma marca.

Vídeos são uma ótima estratégia de Online Visual Merchandising porque ajudam os consumidores a visualizar o produto. Como as pessoas tendem a absorver melhor os conteúdos em vídeos, se você deseja impulsionar sua loja virtual, recomendamos considerar a estratégia para ontem.

2 – Confusão não é sinônimo de ação

Muitos compradores em potencial vão embora da sua loja virtual porque não encontram o que procuram. Várias pessoas começam suas compras procurando suprir suas necessidades nas barras de pesquisas de sites.

A fim de resolver o problema e ajudar um item a ser encontrado, o indicado é aprimorar a pesquisa interna do seu e-commerce. Para isso, utilize um recurso de preenchimento automático que realmente encontre seus produtos (e, claro, faça com que a barra de pesquisa fique visível).

3 – Engajamento por meio de áudio

O conteúdo em vídeo é tão importante que aqui voltamos a ele: o Online Visual Merchandising é também sobre afetar os sentidos do seu cliente. Vídeos mexem com a visão, mas, além disso, trabalham com a audição.

Quando o áudio do seu vídeo é atraente, ele se torna uma oportunidade única de criar um relacionamento com o usuário que você não conseguiria fazer apenas com as imagens do produto.

Nos vídeos de produtos o áudio geralmente vem em forma de música. Aqui, deixamos um alerta: a música pode incentivar respostas emocionais, portanto, assegure que a sua reflita como você deseja que os usuários se sintam ao interagir com seu produto.

4 – Boas fotografias sempre

Hoje em dia imagens de produtos não precisam – e nem devem – ficar limitadas ao Photoshop. Isso porque existe uma tecnologia chamada de Imagens Geradas por Computador (conhecidas como CGI, ou Computer Generated Imagery).

Neste artigo explicamos melhor sobre CGI, mas para você entender, a técnica consiste na criação de conteúdo visual animado por meio de um software de imagem. É bem provável que o Computer Generated Imagery esteja por trás daquela imagem nítida e perfeita de um anúncio que você viu na internet, ou do comercial na TV apresentando o último modelo de um carro que você quer comprar.

Um ponto importante sobre as fotografias: considere todos os elementos práticos. Por exemplo, imagens de alta resolução, se não forem implementadas corretamente, tornarão seu site lento e diminuirão a qualidade da jornada do usuário.

5 – Apresente sua marca

Nas lojas físicas temos as sacolas de compras e displays com cores, designs e logotipos da marca. É possível criar o mesmo efeito online por meio do design do site (especialmente nas páginas de produtos). Mantenha o logotipo da sua marca presente durante toda a jornada do cliente.

Concluindo

Uma loja virtual eficiente vai além da coordenação de cores e posicionamento de textos e imagens. É preciso considerar o Online Visual Merchandising e neste artigo citamos cinco estratégias:

  1. Vídeo é regra
  2. Confusão não é sinônimo de ação
  3. Engajamento por meio de áudio
  4. Boas fotografias sempre
  5. Apresente sua marca

Quer saber mais sobre o tema? Entre em contato e converse conosco. Será um prazer trocarmos algumas ideias. Aproveite que está aqui e conheça nossos outros materiais