Exemplos de uso da Realidade Aumentada na indústria automotiva

Augmented Reality in the Automotive Industry

Aprimorar a fabricação, otimizar a montagem e reduzir os custos de prototipagem. Esses são apenas alguns dos benefícios da utilização da Realidade Aumentada na indústria automotiva. O setor foi um dos pioneiros a adotar linhas de produção automatizadas, por isso nada mais natural do que vermos tecnologias de ponta, como a Inteligência Artificial e a Realidade Aumentada, sendo implementadas nos principais fabricantes.

Para falar um pouco mais sobre o tema, separamos alguns usos da RA no setor automotivo.

Realidade Aumentada para experiência do motorista

A indústria automotiva já percebeu, com o Head-up display (em tradução livre seria “visor ao redor dos olhos”), que pode mudar completamente a experiência do motorista. A inspiração do recurso vem dos aviões de caça dos anos 70. Trata-se de uma projeção, no para-brisa do carro, de informações como giro do motor, velocidade atual, entre outras.

No Brasil, o primeiro modelo a ter esse sistema foi o BMW Série 5, o qual apresentava, no campo de visão do motorista, a velocidade e o consumo de combustível. Com a evolução da tecnologia hoje em dia o recurso consegue inclusive ler as placas de velocidade da via.

Augmented Reality in the Automotive Industry

Realidade Aumentada na indústria automotiva: design e prototipagem

A Realidade Aumentada permite que objetos físicos existentes sejam cobertos com novos elementos. Graças à tecnologia, projetistas conseguem ter imagens projetadas em modelos físicos, desse modo antecipando problemas de projeto sem que para isso tenha que se gastar (tempo e dinheiro) no desenvolvimento de protótipos físicos.

Com isso, reduzem-se drasticamente o custo e a duração do desenvolvimento de um novo projeto.

Realidade Aumentada na indústria automotiva: manutenção

Também por meio de óculos de RA técnicos automotivos realizam, muito mais rapidamente, tarefas complexas de manutenção e reparo. Isso é possível graças à disponibilização de um manual interativo, o qual pode ser exibido em óculos de RA ou instalado em dispositivo móvel.

Para os motoristas, os manuais de Realidade Aumentada ajudam na solução de problemas de forma interativa. Após instalar o app de RA no smartphone ou tablet, o usuário só precisa apontar o aparelho para a parte do automóvel com problema. Em seguida, o aplicativo apresenta possíveis causas e traz instruções passo a passo e tutoriais em vídeo.

Realidade Aumentada na indústria automotiva: produção

A montagem de um automóvel envolve milhares de componentes. Com a Realidade Aumentada a Volvo, por exemplo, permite que o pessoal da linha de montagem visualize digitalmente, na tela de óculos de RA, instruções de trabalho e desenhos técnicos associados.

Com isso, o funcionário não precisa parar o que está fazendo para verificar documentações técnicas em papel. Além de otimizar e agilizar a montagem, a RA minimiza os erros humanos no processo.

Para fechar…

Citamos alguns dos principais usos da Realidade Aumentada na indústria automotiva.  Além do que abordamos aqui, a tecnologia pode ser utilizada inclusive na venda dos automóveis. Para exemplificar, a Honda, no Salão do Automóvel de São Paulo, utilizou a RA para possibilitar aos visitantes uma experiência diferente na hora de conhecerem as características do novo Honda Accord.

Quer saber mais sobre os usos da Realidade Aumentada na indústria automotiva? Que tal bater um papo conosco? Deixe um comentário ou entre em contato. E para saber mais sobre a RA e ficar por dentro de outros temas, acesse o blog da Signia Digital.